Heritage Indoor Sketchers

 

O valor artístico, arquitetónico e monumental de Évora constitui um dos seus traços mais característicos e destacados. Mas como são e o que guardam estes espaços? No Ano Europeu do Património, o Heritage Indoor Sketchers é um convite para através do traço e do desenho percorrer alguns destes espaços onde se conserva uma parte da memória de Évora. Junte-se aos urban sketchers e venha desenhar!

 

WORKSHOP*

Páteo de São Miguel

Oficina sobre desenho em diário gráfico orientada por Mário Linhares.

12 mai | 15h00-18h00

 

ENCONTRO*

19 maio   

10h00 Receção aos participantes

10h30 Mesa redonda

11h30 Vamos desenhar!

13h30 Almoço livre

15h00 Vamos desenhar, outra vez!!!

17h30 Partilha de desenhos

18h30 Encerramento

 

Exposição

Centro de Arte e Cultura

Espaço ATRIUM

14 jul-30 set

  

*Participação gratuita mediante inscrição prévia:

Telefone: 266 748 300

E-mail: mjose.barril@fea.pt

Inscreva-se AQUI

 

© Fernando Guerra  FG+SG

1. Paço de São Miguel

Localizado na zona do antigo castelo, o Paço de São Miguel foi residência dos reis de Portugal da 1.ª dinastia. No século XV foi sede da Capitania-mor e residência dos Condes de Basto, responsáveis por encomendarem o programa de pintura a fresco do século XVI, exemplar raro de temática profana, que reveste os tetos dos salões nobres. Em 1957 foi adquirido por Vasco Maria Eugénio de Almeida que o restaurou para aqui fixar a sua residência em Évora.

 

 © Jerónimo Heitor Coelho

2. Arquivo e Biblioteca Eugénio de Almeida

A documentação deste acervo guarda as memórias de quatro gerações da família Eugénio de Almeida, uma das mais poderosas e influentes do século XIX em Portugal, evidenciando as que foram as suas atividades económicas mas também as vivências familiares e o estilo de vida da elite deste período.

 

 © Jerónimo Heitor Coelho

3. Coleção de Carruagens

Este espaço dá a conhecer as atrelagens e os utilitários de viagem que serviram a Casa Eugénio de Almeida na segunda metade do século XIX quando as distâncias eram percorridas sobretudo ao som do rodado das carruagens, elas próprias um traço distintivo dos seus ocupantes e da sua «viagem social».

 

 © Jerónimo Heitor Coelho

4. Galeria das Casas Pintadas

Deve o seu nome ao conjunto de frescos que decora a galeria integrada no jardim. Realizados nas primeiras décadas de 1500, os frescos foram encomendados por D. Francisco da Silveira e representam animais comuns e seres fantásticos simbolicamente associados a características morais, próprias da natureza humana.

 

 

 © Jerónimo Heitor Coelho

5. Antigo Palácio da Inquisição

O edifício que albergou o Tribunal do Santo Ofício até ao século XIX, teve depois desta data outras funções, entre as quais a de estabelecimento de ensino, enquanto Instituto Superior Económico e Social de Évora (ISESE). É atualmente o Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida, vocacionado para a divulgação da arte e cultura contemporâneas

Partilhar conteúdo: