Organizações de Évora mais preparadas para a Avaliação de Impacto

A Fundação Eugénio de Almeida organizou, em colaboração com a CASES – Cooperativa António Sérgio para a Economia Social, uma Sessão de Sensibilização Para a Avaliação de Impacto Social, no dia 16 de fevereiro, na qual participaram 35 representantes de organizações do terceiro setor e alguns particulares.

 

A abertura do evento foi efetuada por Henrique Sim-Sim, em representação da Fundação Eugénio de Almeida, e por Filipe Costinha, Coordenador do Departamento de Empreendedorismo e Inovação Social da CASES.

                                                                                                      
A iniciativa foi dinamizada por Paulo Teixeira e Pedro Antunes, peritos em avaliação, tendo iniciado a sessão por uma abordagem teórica sobre o que é e para que serve a avaliação de impacto, dando a conhecer as diversas metodologias existentes para o efeito. Ainda durante a manhã, Marta Alter, Coordenadora Técnica do Agrupamento Monte, apresentou o trabalho de avaliação de impacto realizado por aquela instituição em alguns projetos que desenvolveu.


Durante a tarde os participantes tiveram a oportunidade de trabalhar um caso prático, aplicando os conhecimentos adquiridos, com o acompanhamento dos dinamizadores, o que permitiu esclarecer dúvidas e perceber a forma como deve ser aplicada a avaliação de impacto nos projetos das organizações.


A Fundação Eugénio de Almeida, no âmbito do seu Projeto Social, tem vindo a promover sessões de informação e outras iniciativas dirigidas à capacitação na área da gestão das organizações do terceiro setor, com o objetivo de contribuir para uma maior sustentabilidade e dinamismo destas entidades.


QTS_AVAL_IMPAC_1  QTS_AVAL_IMPACTO_2

QTS_AVAL_IMPACTO_3  QTS_AVAL_IMPACTO_4

Partilhar conteúdo: