01-01-2023 > 31-12-2023

Páteo de São Miguel, Évora

Paço de São Miguel

A exposição permanente do Paço de São Miguel dá a conhecer a coleção de mobiliário e artes decorativas que compõem um local que ao longo de séculos assumiu um importante papel na cidade de Évora.

Embora a origem do Paço de São Miguel remonte à Idade Média a existência deste edifício tal como hoje o conhecemos, em termos patrimoniais e arquitetónicos, está associada à história de duas famílias cuja presença no Páteo de São Miguel se encontra separada por cerca de cinco séculos: os Condes de Basto (ou Castro das Treze Arruelas) e a família Eugénio de Almeida. À primeira destas famílias, que aqui residiu entre os séculos XV e XVII deve-se uma campanha de importantes obras de ampliação e restruturação de que se destaca a encomenda do extraordinário conjunto de frescos quinhentistas de temática profana que reveste os tetos de algumas das salas, da autoria dos pintores Francisco de Campos, Tomás Luís e Geraldo Fernandes de Prado.

À segunda família, em especial ao Eng.º Vasco Maria Eugénio de Almeida deve-se, no século XX, a profunda intervenção de conservação e restauro de todo complexo de edifícios do Páteo de São Miguel. O Paço de São Miguel está classificado como Monumento Nacional desde 1922.

Aberto para visitas livres sábados e domingos entre as 15h00 e as 18h00.

Marcação de visitas guiadas saiba mais.